sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Sair do trabalho sem camisa

Saudações! Neste clima quente e seco das últimas semanas tem feito o blog literalmente bombar de visitas. Nestes poucos artigos sobre minha trajetória para uma vida descamisada, tenho recebido quase duzentas visitas diárias! Para um blog sem qualquer pretensão, não é nada mal! Fico feliz pois, de alguma forma, acredito estar ajudando pessoas a descobrirem o prazer de se reafirmarem como homens e gozar de uma vida com menos camisa e mais liberdade e testosterona.

Tenho curtido muito escrever aqui no blog um pouco sobre minha vida, meus pensamentos e tenho recebido comentários bastante positivos, algo que me anima pois, apesar de já ter escrito bastante internet a fora, este é o único projeto que toco em que escrevo realmente o que me vem a cabeça unicamente por prazer de compartilhar isso vocês leitores.

Bem, apesar de curtir muito ficar sem camisa por aí, confesso que o calor intenso, igual ao que tem feito na região onde moro, está me deixando meio nervoso e ansioso por chuvas para acabar com essa seca brava e esse ar ruim. Afinal, não é toda hora que a gente pode tirar a camisa e sair por aí, nós temos compromissos, trabalho, e outras coisas que exigem que nós não suemos ou fedamos (conjuguei corretamente? foda-se).

No entanto, mesmo assim, nas horas livres do dia, vejo em minha cidade muitos homens que encontram um tempinho entre um compromisso e outro para ficarem sem camisa e relaxar um pouco nessa correria. Acho muito legal quando vejo um cara saindo do trabalho, ou mesmo da escola, a pé com a camisa no ombro voltando para casa depois de um cansativo dia de trabalho. Ou então quando mesmo dentro do carro, com as janelas abertas e o braço para fora da janela: eu mesmo já fiz isso algumas vezes saindo da minha faculdade e foi bem legal! 

E aí, ainda sem camisa, é um bom momento para aproveitar e passar em um posto para abastecer, em um banco para sacar dinheiro no caixa eletrônico, comprar o jantar ou mesmo chegar em casa e ir lavar o carro enquanto liga um som da hora. São infinitas as possibilidades para nós que curtimos bastante esse jeitinho particular de aproveitar cada momento, bom também para ter aquele contato másculo com o suor e a sujeira que no fundo a gente sabe que nos faz um bem danado rs.

A parte boa do calor excessivo é que ele meio que "obriga" a gente a ficar mais tempo sem camisa, o que é bom para quem ainda está se adaptando e perdendo a vergonha de ficar sem camisa, e é claro que o calor é a desculpa básica que a gente pode dar quando tira a camisa por aí...

Por isso, fica aí a dica para vocês meus amigos. Se há um momento para tirar a camisa de vez, o momento é este.

E vocês, quais momentos tem aproveitado para ficar sem camisa? Participem aí nos comentários, assim como têm sido feito nos outros posts, e vamos movimentar essa bagaça! 

sábado, 13 de setembro de 2014

Tempo de espera

Olá pessoal! Me desculpem a demora para escrever novos posts... está tenso pelo lado de cá.

Bem.. gostaria sair um pouco do tema central do blog para comentar algumas coisas com vocês. Há dois meses, e nos próximos seis, estarei me preparando para uma prova de um concurso público que há muito tempo tenho esperado. Neste ano várias coisas deram certo no sentido de que agora consegui um tempo para estudar e para me concentrar neste grande objetivo que já vinha planejando para mim.

A verdade é que, por ter feito faculdade em minha própria cidade, sempre tive uma grande vontade de bater as asinhas e sair para fora daqui... nem precisa ser para longe, só sair da casa dos meus pais para poder viver a minha vida, algo que já tenho comentado com vocês em posts anteriores. Este é um dos grandes motivos pelo qual eu tenho aparecido menos por aqui, espero que me compreendam^^

No entanto, prestar concurso público é algo difícil não só pelo fato de ter que se dedicar aos estudos, mas principalmente pela espera. Esperar o edital ser publicado, esperar o dia da prova, esperar a classificação e, se passar, esperar para ser chamado. Eu sou péssimo nisso, especialmente quando há anos tenho pressa para viver minha vidinha sem camisa por aí rs.

Por outro lado, concurso tem suas vantagens. Eu recebi propostas de emprego de outras cidades, com salários na média. Não é que seja ruim, mas eu queria sair daqui com uma vida satisfatória e independente, que eu pudesse me sustentar e ainda ter alguns pequenos luxos e com alguma perspectiva de crescimento profissional. O concurso me dará isso, porém há de se esperar para que as coisas comecem a acontecer.

Viver em outra cidade realmente me atrai muito. Fazer novos amigos, ter minha própria vida...´

Você, caro leitor, já toca sua vida com independência? Conte-me mais sobre sua história nos comentários e me deem opiniões por favor..

quarta-feira, 18 de junho de 2014

Reforçando sobre tudo que é este blog

Estou de volta pessoal... bem, neste post quero falar um pouco mais sobre o objetivo deste blog, de uma forma geral, falando sobre o que penso de tudo isso.

O blog cresceu um pouco e quase que diariamente recebo emails e comentários nos posts. Muitos elogios, o que me motiva bastante, pois existe MUITA gente que tem vergonha de ficar sem camisa e têm encontrado aqui um conteúdo único e original sobre o assunto, algo que não existia na internet brasileira até então (e acho que ainda não existe) e é muito bom saber que de alguma maneira tenho ajudado pessoas.

Também tem os que criticam o assunto tratado... pois bem, este blog foi feito ser um lugar divertido, bem humorado, onde me expresso livremente, e focado em um "pequeno" problema que aflige o homem pelo menos uma vez durante sua vida: o ficar sem camisa.

Eu acredito que ficar sem camisa seja um exercício poderoso para a autoconfiança, a autoestima e autoaceitação. No entanto não é algo fácil: Não é qualquer um que tem peito (rs) para sair sem camisa mesmo em locais onde serão socialmente aceitos (até mesmo na própria casa). É preciso uma boa dose inicial de autoconfiança, autoestima e autoaceitação para iniciar neste que eu chamo ser um estilo de vida.

Para tal, o primeiro passo que eu sugiro é uma boa saúde que resulte em uma boa aparência física. Eu não estou querendo dizer que você precisa ser bonito ou seguir os padrões de beleza para poder tirar a camisa. Longe disso! No entanto, queira ou não, é algo que pesa muito (em relação a confiança) para muitas pessoas na hora de ficar sem a camiseta. 

Por outro lado, existe o fator timidez. Uma das coisas que aprendi e que foi muito importante para mim tanto para ficar mais sem camisa quanto para qualquer outra área da minha vida foi aprender a não ligar para o que as pessoas pensam de mim. Não de uma forma fútil, mas de forma que eu não deixe de fazer o que me dá prazer com medo do que as outras pessoas talvez possam pensar de mim, afinal elas não se preocupam com meu bem estar, não pagam minhas contas e muito menos estarão para me ajudar quando eu precisar. As únicas pessoas com as quais me preocupo são minha família e meus verdadeiros amigos, os quais irão me aceitar da maneira que eu sou!

Sobre mulheres ficarem sem camisa... este não é o tema central deste blog, até fica a sugestão para quem quiser criar um blog sobre. Sobre a minha posição em relação a este assunto, eu acredito que na sociedade machista que vivemos hoje aqui no Brasil e em boa parte do mundo, isso não funcionaria bem. Talvez na Europa funcione, mas aqui não, a não ser em espaços mais reservados para esta prática. No entanto, acredito que as mulheres tenham os mesmos direitos e poderiam gozar da mesma liberdade.

Outra coisa é que, como em muitos posts falo sobre masculinidade, virilidade, etc. talvez algumas pessoas podem pensar que eu mesmo seja homofóbico. Longe disso mais uma vez! Para mim, um homem gostar de outro homem não faz com que ele deixe de ser homem. Este blog é voltado para todos os homens, de todos os tipos.

E para os que querem um papo mais aberto sobre tudo o que é discutido aqui, sugiro participar do nosso grupo do facebook: https://www.facebook.com/groups/ficarsemcamisa/ - não fique com vergonha, o grupo é fechado e temos total liberdade por lá!

Se mais coisas me virem a cabeça, vou completando este post. Fica o meu forte abraço a todos!

keep your shirt off!

sexta-feira, 13 de junho de 2014

Ficar sem camisa no frio e receber amigos sem camisa em casa

Nestes tempos de frio, pelo menos para os que moram em lugares onde faz frio, ficar sem camisa é meio tenso... aqueles arrepios chatos são inevitáveis e a gente acaba que colocando uma camiseta ou uma blusa... e tudo perde a graça^^

Bem... uma das coisas mais legais de ficar sem camisa é quando você é o único, ou então o primeiro a tirar. Ser aquele cara que está lá sossegado, sem fazer nada no meio do povo todo engomadinho, e tirar a camisa do nada. Isso mesmo! Já fez isso alguma vez? Esta é a hora, pois o friozinho vai embora e depois só ano que vem para você tentar isso.

Ontem aconteceu algo legal comigo neste sentido. Eu estava na minha casa fazendo exercício e, mesmo estando frio, eu treino pesado e o corpo esquenta muito - faço sempre sem camisa não importa se esteja calor ou frio. Flexões, barra fixa, pular corda... o tipo de exercício que eu gosto mesmo, acho que já falei sobre isso e algum post anterior.

Eu havia acabado de fazer, estava lá sossegado jogado na cadeira quando um amigo meu bateu minha porta e eu estava já esquecendo que tinha combinado de passar um cd meu para ele. Estava ele e outro amigo... como ela só ia pegar o cd e ir embora, então nem me importei: fui atender do jeito que eu estava mesmo, não estava nem aí: sem camisa, músculos inchados do exercício com o tronco todo encharcado de suor, short bem curto e tênis. Eu abri a porta e ele deu de cara comigo assim.

Tá.. você pode achar meio sem graça, mas eu tinha uma dívida com este amigo, pois umas três vezes eu havia ido na casa dele e ele me recebia sem camisa (apesar de ter que colocar a camisa depois, acho que ele ficava com vergonha de mim ou talvez do físico dele, porque ele é muito magrelo). Bobeira minha, mas quando um amigo me recebe sem camisa e talz, eu tenho uma certa vontade de "me vingar" fazendo o mesmo, se possível ficando mais tempo que ele sem camisa rsrs já aconteceu com você também?

Pois é.. e modéstia a parte eu tenho um corpo atlético, inchadinho. Ele estava de blusa na hora e me viu daquele jeito.. me zuou até, falou que eu tava ficando fortinho, que agora ficava andando sem camisa, e tal... ah, fala sério: o cara pagou um pau danado.. mas a zueira é coisa de amigo mesmo. Também fui lá cumprimentar o outro amigo no carro. Quero fazer isso mais vezes... o outro já veio aqui em casa duas vezes e fiquei conversando com ele o tempo todo sem camisa.

Este foi um dos meus pequenos avanços. Os que acompanham o blog sabem que, apesar de eu ter os meus momentos de bravura (lol) ainda sou tímido para ficar sem camisa o tempo todo ou tanto quanto eu gostaria. Por isso vamos juntos nesta longa caminhada... o/

Sabe... uma das coisas que tenho vontade é de, quanto eu tiver o meu próprio espaço, poder ficar sem camisa diretão, sem hora para colocar e, quando chamar meus amigos para posar na minha casa, eu poder continuar gozando desta liberdade com eles lá: sair, ir a pé ou de carro para qualquer lugar sem botar a camisa uma única vez. Quem sabe um dia né?!

terça-feira, 13 de maio de 2014

Grupo FICAR SEM CAMISA no facebook!

Pessoal... já na minha chegada no facebook vários amigos aqui do blog me adicionaram. Criei o grupo Ficar Sem Camisa.

O grupo é fechado. É um lugar muito legal para compartilharmos nossas pequenas histórias do dia a dia e encorajar outros a aderirem ao estilo de vida sem camisa.

Link: https://www.facebook.com/groups/ficarsemcamisa/

Todos estão convidados! Vocês também podem convidar e adicionar amigos!

Obs.: Para evitar sairmos do nosso assunto central, no grupo serão aceitos somente membros homens.


sábado, 12 de abril de 2014

Resultado da Enquete: Qual é o seu tipo de corpo?

Olá pessoal. Me desculpem pela demora na postagem. Minha vida anda um caos... estou começando a fazer pós-graduação, tive um pequeno problema no trabalho e, nestes últimos dias, estive mandado alguns currículos e, provavelmente, muito em breve estarei mudando para uma cidade grande para morar sozinho! Não vejo a hora de poder curtir esta liberdade... com certeza espero me adaptar bem e conseguir viver longe dos meus pais (amo eles, mas chega uma hora que a gente tem que bater as asinhas né?).

Bem, neste post vou apenas tratar do resultado da enquete que deixamos disponível por algumas semanas no menu de navegação do blog com a pergunta: Qual é o seu tipo de corpo?

Mais uma vez o resultado me surpreendeu um pouco, por isso adoro fazer enquetes! Confira o resultado abaixo:

Magro magrelo
  8 (16%)
 
Magro atlético / Definido
  20 (41%)
 
Magro fora de forma
  12 (25%)
 
Fofinho
  7 (14%)
 
Gordo
  1 (2%)
 
Bombado
  0 (0%)

Em relação ao assunto que se trata este blog, ficar sem camisa e talz, para mim as pessoas que mais procurariam sobre estes assuntos na internet seriam pessoas que, por qualquer que seja o motivo, têm vergonha de ficar sem camisa. Observamos que a gigantesca maioria das pessoas que acessam este blog chegaram aqui através de pesquisas no Google tais como "ficar sem camisa" "vergonha de ficar sem camisa" "perder timidez de ficar sem camisa" "vergonha de tirar a camisa" e mais uma infinidade de termos deste tipo.

Entretanto, imagina-se que a maioria das pessoas que tem vergonha de tirar a camisa são gordinhos, pessoas fora de forma, etc. e esta enquete mostrou que não! A maioria das pessoas que chegam aqui no blog são "magros atléticos/definidos"! Que coisa, não?

É isto que eu falo sobre vergonha de ficar sem camisa: Muitos tem um corpo legal e não tem motivo nenhum para não perderem a vergonha de tirar a camisa. Isso se trata muito mais de uma barreira psicológica (timidez) do que estar ou não em forma.

Naturalmente, nos sentimos muito mais vulneráveis quando estamos com menos roupa. Mas então porque ficar sem camisa?? rsrs já respondi isso aqui no blog inúmeras vezes. Ainda mais quando temos vergonha de tirar a camisa, admiramos muito mais quem o faz. Se você já teve vontade alguma vez de perder totalmente a timidez de sair por aí descamisado, não perca a chance de seguir o nosso passo a passo de como perder a vergonha de ficar sem camisa. Ele já ajudou inúmeras pessoas - recebo emails quase que diariamente!

E é isso que tenho para falar com vocês hoje. Eu daqui, sem camisa neste momento - diga-se de passagem - desejo tudo de bom a vocês e espero que, com este blog, eu tenha te ajudado um pouco mais a curtir a vida da forma que você deseja. Espero em breve ter colocado minha vida em ordem e estar gozando a boa vida de solteiro um pouco longe da vista dos pais. Abraços e até breve!

Keep your shirt off!

domingo, 16 de março de 2014

Homens aderem ao ficar sem camisa em Nova York

Neste post quero comentar sobre o artigo que foi publicado no jornal A Folha há alguns meses atrás (e que também outro artigo bem parecido foi postado no prestigiado New York Times) intitulado "Homens aderem ao visual sem camisa em Nova Yorque".

Link: http://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/2013/08/1332423-homens-aderem-ao-visual-sem-camisa-em-nova-york.shtml

Bem, para quem acompanha o blog sabe tudo sobre o que eu penso sobre ficar sem camisa. Neste artigo postado no jornal mostra uma tendência que vem acontecendo em Nova York e, porque não dizer, em muitas outras cidades.

Acredito que, com o tempo, as pessoas, especialmente em meio a tanto estresse e diversos outros problemas da vida moderna, estão se preocupando cada vez mais em fazer aquilo que lhes dão prazer ao invés de se submeterem a tentar agradar a vontade alheia. A partir do momento que você não esteja invadindo o espaço ou o conforto de outra pessoa, eu não vejo problema nenhum em ficar sem camisa em locais públicos a céu aberto, incluindo as ruas de Nova York ou qualquer lugar semelhante. Quem pode apontar o dedo para um homem sem camisa, seja bonito ou feio, e dizer a ele que não tem o direito de ficar sem camisa?

Ficar sem camisa é um direito compartilhado por nós homens e, mais do que admirado, deve ser preservado em meio a uma sociedade cada vez mais crítica e feminista. Ficar sem camisa é um exercício de autoconfiança... E vocês mulheres, ou homens que não o fazem, não sabem o quanto isso faz bem para nós.

No artigo, comenta-se que a exposição moderna da sexualidade é tão corriqueira que as pessoas já não acreditam que andar sem camisa seja um apelo sexual e por isso os homens se sentem cada vez mais confiantes para sair por aí sem colocar a camisa.

Sim, esta liberdade que nós temos hoje em dia foi uma conquista de todos nós e hoje nós podemos aproveitar dela ao máximo para viver nossas vidas da melhor maneira que nós podemos.

E vocês, o que pensam sobre andar sem camisa em locais públicos e movimentados como Nova York ou mesmo São Paulo, Rio de Janeiro, etc??????